Voltei. Depois de doses cavalares de Chá de Sumiço, volto levinha, Catarininha-paz-e-amor. Para festejar o feliz retorno segue uma crônica:

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Porque o inferno se perdeu

O gato, o pinguim e um brinde.

FAVALI