quinta-feira, 21 de agosto de 2008

Meu partido alto




Ai que este homem não me deixa trabalhar!
Olha que o feijão já vai queimar!

Inventa corrida na praia para relaxar
Passeio na feira e camarão para ele cozinhar
Deixa muita louça para lavar
E abre um vinho para namorar

Ai que este homem não me deixa trabalhar!
Olha que o feijão já vai queimar!

Pára em todas as bancas de revistas para degustar
Cata besteira no chão para a casa enfeitar
Canta desafinado só para me encantar
Preenche os meus minutos até me acabar

Ai que este homem não me deixa trabalhar!
Olha que o feijão já vai queimar!

Traz flores roubadas para me amansar
Enche meus olhos de cinema para conversar
Cobre de livros minha mente quase a expirar
E vive, eternamente, a me inspirar

Ai que este homem não me deixa trabalhar!
Olha que o feijão já vai queimar!

4 comentários:

Anônimo disse...

Ai que esta mulher é de lascar. Agora é só mandar pra uma cantora gravar, tipo Marisa Monte.

Sammy | Email | 16-01-2007 11:29:37

Anônimo disse...

Você pegou de jeito o "espírito da coisa", PARTIDO ALTO é isso aí. Esse texto nos deixou muito orgulhosos pois tivemos uma pequena participação em ter aberto essa expressão de arte para você, que para nós uma grande artista. Bola pra frentíssima!!! Bjs, Paulo e Marília

paulo&marília | Email | 20-01-2007 13:46:25

Anônimo disse...

Cat, Adorei!!!! Não é que vc é boa mesmo nesse trem???? Vá em frente amiga e continue escrevendo. Beijos, Valéria Rollemberg

Valéria Rollemberg | Email | 22-01-2007 19:05:53

Anônimo disse...

Temos poetisa, e com que talento! Adorei a poesia subjacente ao trecho "Enche meus olhos de cinema para conversar/Cobre de livros a minha mente quase a expirar/E vive, eternamente, a me inspirar" Fantástico. Continue sempre a partilhar o seu talento connosco.

valente | Email | 30-01-2007 15:01:39